15 de ago de 2010

Nelson Mandela


(...)

Não importa quantas vezes desatino
nem quantas vezes a vida me espalma
Sou o mestre e senhor do meu destino
Sou o capitão de minha alma.


Vendo o filme Invictus, eis que me deparo com esse trecho do poema escrito por Mandela na prisão. Certamente esse é um dos melhores filmes que vi nos últimos tempos. Recomendo a todos. E quanto ao poema... ah... preciso dizer alguma coisa?

Nenhum comentário: